19 de abr de 2014

UFMT - Universidade Federal do Mato Grosso


A UFMT é uma feliz realidade na minha vida.
Toda uma reestruturação pessoal e uma mudança (literalmente) de 2.000 Km aconteceu depois do meu contato com esta Instituição.


Em 2013, me inscrevi no processo seletivo para o Mestrado em Educação oferecido pela UFMT. O projeto "A Arte como ferramenta de re-construção psicossocial", com o qual concorri, agrupou toda minha experiencia profissional e acadêmica com a Arte, bem como a esperança de conseguir a tão sonhada vaga, e... fui aprovada! 
(em 1º lugar!... Benção pouca é bobagem!)

...
Então, eu, marido, filhas e a cachorrinha Manu saímos do Espírito Santo e nos mudamos para o Mato Grosso.



Destino: cidade de Rondonópolis, as margens do Rio Vermelho (lindo!).

...
Ainda no Espírito Santo, arrumamos e despachamos toda a mudança da família... Ufa!




 Com a carga já na estrada, fomos para o Aeroporto de Belo Horizonte/MG - devidamente preparadas para 10h de vôo (hum... escalas),  até Rondonópolis/MT.




A mudança foi uma aventura que deu certo e a família já está totalmente adaptada a região.

Novo endereço, novo emprego, novos amigos e novos sonhos!
... 


Mas, preciso dizer que, nesta fase difícil de despedidas, mudança, adaptação e processo seletivo, a UFMT foi fantástica e me recebeu de braços abertos. Profissionais solidários e professores indiscutivelmente comprometidos com a Educação.


Para quem não conhece, vale a pena conhecer essa Instituição que ocupa lugar de destaque entre as instituições federais de ensino superior do país. 


Então, convido a todos vocês a conhecer um pouco mais sobre a UFMT.
Sejam bem vindos!!!

 (Prédio central da UFMT - Cuiabá)


Criada através da Lei 5.647, de 10 de dezembro de 1970, a UFMT possui seu campus central em Cuiabá. 
No interior do Mato Grosso, a UFMT possui os Campus de:
- Rondonópolis (ao sul MT)
- Pontal do Araguaia e Barra do Garças (ao leste MT)
- Sinop (ao norte MT).

Implantada em uma região de rica biodiversidade - Pantanal, Amazônia, Araguaia e Cerrado - e três grandes bacias hidrográficas, a UFMT representa inesgotável campo de pesquisa para a produção do conhecimento.



 A expansão quantitativa e qualitativa da UFMT faz dela a mais abrangente instituição de ensino superior no Estado, presente em todas as regiões de Mato Grosso (900 mil KM²).
Considerando toda estrutura física e humana da instituição, a UFMT oferece, dentre outros:

- 27 institutos e faculdades
98 cursos de Graduação nas mais diversas áreas de formação
13 pólos de formação a distância
- Hospital Universitário Júlio Müller
- Hospital Veterinário
- Uma fazenda experimental (em Santo Antônio do Leverger) 
- Uma base avançada de pesquisa no Pantanal (município de Poconé) 
- Estações meteorológicas (Cuiabá e Rondonópolis)
- Herbário
- Biotério
- Zoológico
- Ginásio de esportes
- Parque aquático
- Museus e o único teatro com especificações técnicas exigidas para receber as diversas modalidades de artes cênicas no Estado, todos em Cuiabá.

Conta ainda com o maior sistema de bibliotecas do Estado, somando mais de 300 mil volumes, sendo 200.908 na Biblioteca Central em Cuiabá; 47.878 em Rondonópolis; 16.639 no Campus do Araguaia e 15.588 em Sinop. 


(PROPG - Pró-reitoria de Ensino de Pós-Graduação)

Na pós-graduação tem 25 mestrados, 04 doutorados próprios, 07 doutorados interinstitucionais (Dinter) e 70 cursos de especialização (atendendo áreas de acordo com a demanda). 

Atende a mais de 18 mil estudantes de graduação e pós-graduação. 
Conta com quase três mil servidores, sendo mais de 1.300 docentes e mais de 1.600 técnicos administrativos.


Em 2014, o curso de Medicina foi implantado no Campus de Rondonópolis, o que movimentou ainda mais toda a UFMT, em especial a comunidade rondopolitana.


Mais informações você encontra no site oficial de UFMT:
UFMT - Universidade Federal do Mato Grosso.

...


UFMT - Campus de Rondonópolis/MT


UFMT - Campus de Rondonópolis/MT



(Entrada principal da UFMT - Campus Rondonópolis/MT)


O Campus de Rondonópolis possui uma infraestrutura interessante, acessível, totalmente verde e espaçosa. 

É aqui, em Rondonópolis, que ingressei no Programa de Pós-Graduação em Educação ou  (como todos nós carinhosamente chamamos) "Nosso Mestrado em Educação".

O Programa de Pós-Graduação em Educação/UFMT/Rondonópolis (PPGEdu), foi autorizado em 2009, com abertura de sua primeira turma em 2010.

(Prédio do PPGEdu)

O PPGEdu tem como principal objetivo "propiciar formação voltada para a pesquisa e produção científica, tendo como pontos basilares as reflexões sobre a natureza da educação, os dilemas enfrentados em sua formação e a ambiência em que se articulam os processos e políticas educacionais, visando a qualificação profissional sensível ao contexto regional e às diversidades étnicas e socioculturais".

Organizado em torno de uma área de concentração: Educação, Cultura e Processos Formativos, o Programa abriga duas linhas de pesquisa:

a)Linguagens, Cultura e Construção do Conhecimento: perspectivas histórica e contemporânea.
b) Formação de Professores e Políticas Públicas Educacionais.

As linhas de pesquisa refletem  o perfil do quadro docente permanente no que tange à formação e produção científica e são integradas pelos grupos de pesquisa, devidamente credenciados no CNPq.

Em 2014, somos 19 alunos inseridos no Mestrado em Educação, distribuídos entre as 2 linhas de pesquisa. 
A turma é ótima e super conectada aos interesses da área. Sem mencionar a sintonia e amizade que fluiu naturalmente entre a maioria dos alunos.

Refletindo sobre todos os acontecimentos que me trouxeram até aqui, posso afirmar com toda certeza que é uma honra integrar a turma de mestrado 2014 da UFMT e poder participar/contribuir, com o olhar da Arte, para a linha de pesquisa “Linguagens, Cultura e Construção do Conhecimento: perspectivas histórica e contemporânea”.


Um sonho realizado e muiiiiito trabalho pela frente!


Maiores informações: http://www.ufmt.br/ufmt/site/
...

Família Projeto de Deus

Todo ser humano tem sua fonte de energia...
...eis a minha!



Minhas mãos...


Hoje me deparei com as minhas mãos...
Em meio as tarefas difíceis do Mestrado (leituras, debates e aulas), meu olhar passou pelas rugas da minha mão...
É isso mesmo... "elas estão com rugas"...
Parei tudo e, de repente, me dei conta que os anos se passaram.
Que alguns sonhos foram realizados, outros esquecidos e outros transformados!!!!
E os anos se passaram...
E, apesar de não ter aquela "cinturinha" da juventude, a resistência da juventude, a altivez da juventude, estou feliz com o resultado final.
Sou produto dos meus sonhos:
os esquecidos,
os realizados
e os transformados!!!!!


Africana


"Africana"

Acrílica sobre Madeira Recortada
(0,90 X 0,55)